Gerar motivos

Na empresa que eu trabalho tem um tal de Encontron, que é o Encontro Motivacional Tron, na verdade é uma gincana, porque tem equipes feito uma gincana, provas que nem de gincana, e aquelas fantasias e brincadeiras típicas de uma gincana, então é uma gincana. Está na 11ª edição, ou seja, os caras já fazem isso a 11 anos.

É de se pensar: como é possível uma empresa como a Tron gastar dinheiro com uma gincana? Não dá para entender bem, porque na semana que o Encontron acontece é tudo meio tumultuado: os colaboradores ficam se revezando entre trabalhar e cumprir as metas, reunir as equipes para planejar as tarefas, correr atrás de arrecadar doações para uma prova social e zoar com os adversários (que esse ano ficou bem mais fácil com o Twitter). Qualquer gestor de negócios pode olhar para isso tudo e achar que é uma tremenda bagunça; e é mesmo!

Então como um empresário sério e bem sucedido pode permitir isso na sua empresa? Ou, pior, incentivar? Ou, pior ainda, participar?

Bem, meus caros, todas essas dúvidas persistem até a primeira participação no Encontron.

Como diz o senhor Reilly Rangel: esse evento recarrega as baterias para chegarmos ao final do ano. Mas recarrega como? Com alegria, descontração, amor, empenho, esforço de equipe, comprometimento com uma causa.

O Encontron gera motivos para ficarmos de bem com a vida e com o trabalho. Percebemos que não trabalhamos em uma empresa qualquer. Estamos envolvidos numa organização que não impõe a liderança com base na hierarquia, mas com base no exemplo e no compromisso de buscar sempre fazer o melhor, da melhor forma possível.

Trabalhar na Tron é uma experiência renovada todos os dias. Nunca é a mesma coisa. Experimentamos novidades e inovações a todo momento, basta querer participar de algo novo, ou inovador, que a empresa está disposta a apoiar. E tudo isso está baseado em algo bem simples, uma visão de que nós trabalhamos com GENTE, esse tipo especial de pessoa que é integro, inteiro, completo, é profissional, emocional, espiritual, que ri, brinca, fala sério, sente e se sente bem em ser percebido como parte importante da organização.

É por causa dessa GENTE que o Encontron já completou seus primeiros onze anos, e só está começando!

Nesse ano tem uma prova nova: “Se vira na Tron”, para cada um apresentar seu talento especial. Como não tenho nenhum talento especial, resolvi escrever esse texto, só para dizer que essa GENTE TALENTOSA faz muita diferença na Tron.

Anúncios

4 pensamentos sobre “Gerar motivos

  1. A Tron está inventando e pondo em prática inovadoras técnicas que um dia ainda serão incorporadas defitivamente à sciência da Administração, quando os nomes de Reilly e seus companheiros serão inscritos entre os dos grandes
    luminares dessa difívil Arte.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s