Andando pela Tron

Equipe de Palmas

Equipe de Palmas

No seu livro Execução Premium (Ed. Campos/Elsevier), Robert Kaplan e David Norton alertam para um problema que eles verificaram na maioria das empresas que buscaram colocar em prática seus planos estratégicos usando a metodologia Balanced ScoreCard: a dificuldade em “motivar e alinhar os funcionários” (princípio 4) e “tornar a estratégia um processo contínuo” (princípio 5). Esse alerta motivou a direção da Tron a desenvolver uma missão para ativar a execução do plano estratégico e disseminar a cultura Tron pelas suas unidades de negócios.

A missão foi configurada como um evento de um dia, em que são desenvolvidos dois módulos: na parte da manhã é apresentado o mapa estratégico e todos os seus objetivos, planos de ação e indicadores são explicados, um-a-um, relacionando-os com as nossas atividades cotidianas – essa parte está sob minha coordenação. À tarde a história da Tron é recontada aos colaboradores, enfocando os diferenciais e qualidades da nossa organização e mostrando como podemos nos projetar para o futuro – essa é a parte desenvolvida pelo Paulo de Tarso (gerente de negócios da Tron).

Nesses dias eu e o Paulo já fomos a Palmas (TO), São Luis (MA) e Belém (PA). Iniciamos essa jornada com certa preocupação em função da enorme responsabilidade que nos foi delegada. Mas nosso coração foi sendo acalmando na medida em que os eventos foram se desenrolando e os colaboradores foram cuidando para que nossas estadas fossem sempre muito proveitosas.

Equipe de São Luis

Equipe de São Luis

Em cada unidade a tensão inicial e o peso das discussões estratégicas foram sendo substituídas pelo encanto dos sorrisos e afirmações de que a empresa está no caminho certo. A renovação do compromisso dos colaboradores com a marca TRON e melhora da sua auto-estima ao perceberem o quanto são importantes para a organização, vão aumentando nossa segurança nessa empreitada e, certamente, motiva-nos para a segunda etapa – Brasília (DF), Cuiabá (MT), Campo Grande (MS), Rio Verde, Goiânia e Anápolis (GO).

Essa experiência tem demonstrado que é necessário que tenhamos uma maior presença junto às unidades e que possamos traduzir nossos conceitos sobre estratégia em exemplos cotidianos, como forma de esclarecer, comprometer e fortalecer as pessoas para a execução das tarefas que lhes são destinadas. Expressões comuns de surpresa (haaa, então é assim!!??) quanto a simplicidade conceitual do mapa estratégico e alívio quanto a compreensão dos objetivos e ações estratégicas (mas isso nós já fazemos!!), transformam a execução em uma ação contínua e garantem o compromisso das pessoas.

Na vesperal fechamos com uma boa dose de descobertas (para os novatos), animação, emoção e reafirmação de compromissos da Tron com sua equipe de profissionais e clientes, reacendendo nas pessoas a auto-motivação para a viagem estratégica que lhes foi apresentada.

Mas não podemos deixar de registrar o nosso aprendizado pessoal (o Paulo deve concordar). Como sempre acontece quando estamos dispostos a compartilhar, essas viagens tem melhorado muito nossa compreensão sobre a situação de cada uma das unidades. Conhecer as pessoas e ouvir os seus relatos sobre a empresa e como enxergam seu papel na unidade é muito relevante para podermos melhorar nossos processos de gestão e comunicação.

Equipe de Belém

Equipe de Belém

Como diz o Paulo de Tarso: os colaboradores sempre estão dispostos a colaborar, desde que entendam o que precisa ser feito e por que deve ser feito. Estamos experimentando que a compreensão das ações necessárias para o desenvolvimento da empresa é facilmente apreendida pelas pessoas, desde que comunicada de forma clara e assertiva. Acredito que ambos estamos sendo renovados – em conceitos e experiências – para as nossas tarefas cotidianas. Estamos sendo alimentados, pelos nossos colegas, com conhecimentos, visões e motivações que nos enchem de satisfação, combustível mais que suficientes para a reta final das vaigens.

Anúncios

5 pensamentos sobre “Andando pela Tron

  1. Jeferson e Paulo,

    Mais uma vez a TRON inovou!
    Eu, que sou só amigo e parceiro fiquei emocionado e motivado… imagino então como estão os Tronianos… certamente orgulhosos de fazer parte da empresa!

    Abraço!

  2. Essa experiência com as pessoas é com certeza enriquecedora. Quando participei do projeto dos RoadShows tive a oportunidade de conhecer de perto a realidade das unidades e entendo o quanto isso é importante.
    Com este contato, podemos refletir em várias situações e tirar grandes lições.

  3. Evento o qual nos faz enchergar o quanto a Empresa é importante para nós, e o quanto somos importante para ela! Quero parabenizar pela escolha dos profissionais, senti como se nos conhecessemos a muito tempo, todos ficaram muito a vontade, absorvendo muito melhor o conteúdo. Fortificando ainda mais o elo entre empresa e colaborador! Aqui na unidade de Belém, sentimos a diferença imediatamente, estamos mais unidos, mais amigos, realmente despertou o sentimento de equipe! Obrigada!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s